7 de outubro de 2007

Invictus

Autor: William E Henley
Tradutor: André C S Masini

Do fundo desta noite que persiste
A me envolver em breu - eterno e espesso,
A qualquer deus - se algum acaso existe,
Por mi’alma insubjugável agradeço.
Nas garras do destino e seus estragos,
Sob os golpes que o acaso atira e acerta,
Nunca me lamentei - e ainda trago
Minha cabeça - embora em sangue - ereta.
Além deste oceano de lamúria,
Somente o horror das trevas se divisa;
Porém o tempo, a consumir-se em fúria,
Não me amedronta, nem me martiriza.
Por ser estreita a senda - eu não declino,
Nem por pesada a mão que o mundo espalma;
Eu sou dono e senhor de meu destino;
Eu sou o comandante de minha alma.

13 comentários:

Deva_neios disse...

Sinto-me pregado ao leme da vida, senhor do meu destino,
Buscando respeitar minhas limitações e, principalmente, o Todo.
Sonho com o dia que compreenderia plenamente o meu eu.
Ele chegará!

Deva_neios disse...

Morrer não é um problema para mim. Espero – talvez no dia que eu deixe de ser tão racional – que um dia eu alcance essa compreensão. Pelo menos a tranqüilidade de fazer parte. Não apenas observar. Sentir!

Isabella disse...

Que lindo!
Apesar de ser mta responsabilidade ser o dono de sua propria alma.


Bjos**

Etc e tal disse...

ADOREI!!! ADOREI!!!!

dZ disse...

Acho que, nesse momento, o grau de minha identificação com essas palavras é: mínimo.

Mas é um belo achado, com certeza.

Di disse...

Às vezes, acho que comando, em outras me deixo levar.

Jana disse...

A leve por bons mares então!

Beijos

Moni disse...

nada melhor do q ser dono do próprio destino. já é difícil lidar com ele, imagina se outros pudessem comandá-lo?

bjão

Ana D disse...

Bel�ssimo ! Que sejamos todos donos de seu destino, isso � primordial..T�o ruim ser preso a compromissos, padr�es aos quais vc n�o se sente comprometido...

Ana D disse...

não se sente VERDADEIRAMENTE comprometido...

Kristal disse...

Quanta sensibilidade e emoção !

Sujeito Oculto disse...

Poucos sabem disso.

Simão Pedrosa disse...

Realmente nós fazemos nosso destino, somos donos dele, mas é justamente por isso que ele é quem nos guia pelos caminhos da vida.
visite meu blog: verso, viola e prosa.

Siga esta onda

Related Posts with Thumbnails

Siga esta onda

Related Posts with Thumbnails